quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Um novo mandamento


http://2.bp.blogspot.com/_VxDijQFYfQI/S-gl3aQertI/AAAAAAAAAM0/WFxz-wZ9jqw/s1600/Amor+de+Deus.jpg

João 13:34-35 Um novo mandamento vos dou: Que vos ameis uns aos outros; como eu vos amei a vós, que também vós uns aos outros vos ameis. Nisto todos conhecerão que sois meus discípulos, se vos amardes uns aos outros.

Primeira coisa que vem a cabeça é como seria um novo mandamento se o próprio Jesus já tinha dito que o segundo grande mandamento era amar o próximo como a nós mesmos?

Mas Jesus estava sim nos entregando um NOVO mandamento. Ele disse que deveríamos amar uns aos outros como ELE nos amou.

E isso me leva a pensar e meditar em como é o amor de Jesus por nós. Acho até que consigo resumir o amor de Jesus em uma única palavra: SACRIFICIAL.

Filipenses 2:5-8 - “Tende em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus, pois ele, subsistindo em forma de Deus, não julgou como usurpação o ser igual a Deus; antes, a si mesmo se esvaziou, assumindo a forma de servo, tornando-se em semelhança de homens; e, reconhecido como figura humana, a si mesmo se humilhou, tornando-se obediente até à morte e morte de cruz”

Como é impossível aos meus olhos amar aos outros como Jesus nos amou, imaginem só Jesus é Deus ele se desfez da Sua majestade, assumiu a forma de servo, não levando em conta que Ele era Deus, viveu como homem, se humilhou por amor ao Pai e amor por nós.

Jesus sacrificou o que Ele tinha de melhor por nós, e o que temos sacrificado das nossas vidas por ELE e pelas pessoas?

Não sacrificamos nada ou quase nada. Normalmente sacrificamos apenas o que temos de excesso. Nós queremos ganhar a vida eterna, queremos viver a eternidade com Cristo, queremos tomar parte do maior sacrifício já visto e registrado e não queremos sacrificar nada em troca.

Eu creio em Jesus, mas não mudo nada em minha vida. Continuo o mesmo caminho como se nada de diferente tivesse acontecido.

Quer saber quando nos convertemos de verdade? Você tem que olhar pro dia de ontem e ver mudanças, olhar pro velho homem e perceber dia após dia, ano após ano, mudança de caráter, mudança de conduta, mudança de prioridades, temos que ver a mudança de vida.

Eu creio em Jesus mas não acho que Ele é um modelo a ser seguido.

Infelizmente é assim que uma grande parte da população vive. O cristão verdadeiro reflete a imagem de Cristo na sua face.

As pessoas olham pra você e percebem as mudanças na sua vida, você não precisa fazer propaganda disso: "Eu sou uma nova criatura". O verdadeiro novo nascimento a pessoa não faz isso, porque a mudança é natural sem forçar nada, apenas permitimos que Cristo viva em nós e a partir disso Ele faz o resto.

E Jesus vai fazer a obra completa, ele quer o homem por inteiro, não só uma parte dele. Mas é fundamental que a gente olhe pra trás e perceba essas mudanças, senão o cristianismo simplesmente perde o sentido.

Sabe como é a mente de um Cristão? Sua mente é como a mente de Paulo.

Filipenses 3:8 - “Considero tudo como perda, por causa da sublimidade do conhecimento de Cristo Jesus, meu Senhor; por amor do qual perdi todas as coisas e as considero como refugo, para ganhar a Cristo”

É isso que Deus vai fazer com sua mente, cada dia que você conhece mais a Jesus, vai se convencendo e Deus vai operando através do Espirito Santo e você dia a dia se parece mais com Jesus e menos consigo mesmo.

Esse amor que Jesus teve por nós, amor que não leva em conta os pecados uns dos outros, amor que serve, que sacrifica seus desejos pessoais, seus interesses, seu tempo. Esse tipo de amor que Jesus espera dos Seus discípulos.

Somente Ele pode nos ajudar, quando Ele tomar conta da nossa vida, nesse momento essas mudanças ocorrerão, amar os outros será mais fácil, será até mesmo natural. Ele nos fará sermos mais humildes, mais servos, somente Ele pode nos livra de todo o orgulho em nossos corações.

Mas para que isso aconteça precisamos tomar a atitude inicial, basta que a gente busque Ele, que a gente abra as portas do nosso coração, que a gente peça de maneira verdadeira que Ele habite em nós, que a gente entregue as chaves do nosso coração pra Jesus.

Se você ainda não fez, faça hoje mesmo isso. Não espere para amanhã, peça, clame, busque por ELE.

Que Jesus nos ajude.

Fernando.

Nenhum comentário:

Postar um comentário