terça-feira, 11 de maio de 2010

Sobre um Abismo...



Muitos homens podem ver o seu retrato aqui! O indivíduo que esbanja seu dinheiro perde sua propriedade e cai na miséria e desgraça. O bêbado acaba com a sua saúde e força, com o conforto da sua família e a paz em casa e, quando sua loucura termina, ele cai em ruína, através da sua própria tolice. O homem de hábitos vulgares e pervertidos, está amputando, de forma assustadora, seu próprio corpo e alma, e em breve, lamentará esta luxúria que o arremessará sobre a doença, agonia e morte. Existem outros idiotas ao lado do homem na xilogravura, que estão decepando o ramo que os sustenta. É ingratidão a base da atitude de homens que são maliciosos e cruéis com aqueles que são seus melhores amigos. As esposas e os pais muitas vezes têm de aguentar cortes afiados que vem daqueles a quem eles carinhosamente apoiam e fazem de tudo para preservar da ruína. Pena que seja assim!

Leitor hipócrita, você certamente está pronto para se juntar a nós em qualquer das críticas que fizemos a respeito da loucura dos pecados que acabamos de citar; mas permita-nos perguntar: você mesmo não é um dos retratados em nosso quadro? Você está descansando em cima do ramo das boas obras, e, mesmo assim, a cada dia, suas falhas, imperfeições e pecados estão tornando este ramo cada vez menos capaz de suportar tanto peso. Suas obras nunca foram um suporte firme, e se você conhece a si mesmo, e é sincero o suficiente para confessar seus defeitos, irá perceber imediatamente que elas se tornaram, no juízo da consciência, algo muito frágil e indigno de confiança. Se você nunca tivesse pecado, e, conseqüentemente, nunca tivesse feito um ferimento sequer nesse ramo, poderíamos tolerar a sua confiança nele; mas como você tem feito cortes nele vez ou outra, e ele está pronto para romper com você deitado em cima dele, nós te rogamos, deixe-o e troque-o por um lugar mais seguro de descanso. Toda confiança em si mesmo, seja ela de um tamanho ou de outro, é pura insensatez. Sentimentos, obras, orações, caridade, religiosidade, é tudo muito fraco para suportar uma alma pecadora. "Porque ninguém pode colocar outro alicerce além do que já está posto, que é Jesus Cristo" (I Coríntios 3:11). "Quem nele crê não é condenado" (João 3:18). "Portanto, ele é capaz de salvar definitivamente aqueles que, por meio dele, aproximam-se de Deus, pois vive sempre para interceder por eles" (Hebreus 7:25). Confie em Jesus e Ele nunca lhe faltará.


____________________
FONTE: Sword and Trowel Tracts—6d. per 100. Passmore & Alabaster, 23, Paternoster Row. de spurgeon.org
Tradução: Gabriela Brandalise

Nenhum comentário:

Postar um comentário